Homens que traem tendem a ter QI mais baixo

Homens que traem tendem a ter QI mais baixo

Homens que traem as esposas e namoradas tendem a ter QI mais baixo e ser menos inteligentes, segundo um estudo publicado na revista especializada Social Psychology Quarterly. De acordo com o autor do estudo, o especialista em psicologia evolutiva da London School of Economics, Satoshi Kanazawa, “homens inteligentes estão mais propensos a valorizar a exclusividade sexual do que homens menos inteligentes”.

Kanazawa analisou duas grandes pesquisas americanas a National Longitudinal Study of Adolescent Health e a General Social Surveys, que mediam atitudes sociais e QI de milhares de adolescentes e adultos. Ao cruzar os dados das duas pesquisas, o autor concluiu que as pessoas que acreditam na importância da fidelidade sexual para uma relação demonstraram QI mais alto. De acordo com o estudo, o ateísmo e o liberalismo político também são características de homens mais inteligentes.

Evolução


Kanazawa foi mais longe e disse que outra conclusão do estudo é que o comportamento “fiel” do homem mais inteligente seria um sinal da evolução da espécie. Sua teoria é baseada no conceito de que, ao longo da história evolucionária, os homens sempre foram “relativamente polígamos”, e que isso está mudando.

Para Kanazawa, assumir uma relação de exclusividade sexual teria se tornado então uma “novidade evolucionária” e pessoas mais inteligentes estariam mais inclinadas a adotar novas práticas em termos evolucionários – ou seja, a se tornar “mais evoluídas”.

Para o autor, isso se deve ao fato de pessoas mais inteligentes serem mais “abertas” a novas ideias e questionarem mais os dogmas. Mas segundo Kanazawa, a exclusividade sexual não significa maior QI entre as mulheres, já que elas sempre foram relativamente monogâmicas e isso não representaria uma.


Fonte: Uol

Postado por Flávio Pinto

mariabonitaepoesia.com.br

MÃE JUSTINA


Saudade da sua palavra amiga
Quando aflita estavas tinha
Sempre uma explicação pra vida!
E pedindo pra confiar em Deus
Que no momento certo a vida
Tomaria o rumo certo
E tudo se resolveria
Hoje não se encontra mais aqui…
E estou só nessa multidão
Vivendo por viver e lamentando
Sua ausência onde tudo era flores
Quando aqui comigo estavas
Daonde estás ilumina meu caminho
Mostra-me a direção a seguir
Pois em meus pensamentos
Vivas sempre estarás…
M.J.S
mariabonitaepoesia.com.br

POETAS






Poetas têm o dom de alegrar

O coração de quem ouve a sua poesia

Tens a magia dos deuses que

Com sua doçura despertam emoções

Faz sorrisos esplandecerem

Mesmo num coração triste…

Amargurado… e sem esperanças

Despertando alegrias através 

Da voz suave quando declama

Seu poema cheio de ternura.

Maria J. Santos

mariabonitaepoesia.com.br

                          SOMOS UM SER NA
MULTIDÃO
MUITAS VEZES MUITO SÓ….
NA CAMINHADA DA VIDA É ASSIM
CADA UM POR SI E DEUS POR TODOS.
MAS A CERTEZA DA VITÓRIA PERSISTE
EM CADA MANHÃ, RENOVANDO
NOSSA FÉ EM NOSSO CRIADOR.
12/11- Maria J. Santos

mariabonitaepoesia.com.br

ACRÓSTICOS

Acrósticos
M arcio és um guerreiro medieval da    
A ntiguidade, só que nesse mundo real
R evela-se como um guerreiro da vida  
C onquistando cada dia seu espaço
I nspirando á todos com sua luta
O brigada por fazer parte de sua história.
  
M aria, mulher guerreira
A titude e garra é seu lema!
R ealidade é seu nome.
I ndiferente aos tropeços da vida
A braça o mundo e sorri.
                               
           
mariabonitaepoesia.com.br

LARANJEIRA EM FLOR

LARANJEIRA EM FLOR



As folhas exalam


Um cheiro suave…


Doce como as manhãs de Setembro


Que embriagam minh’alma


Me leva além das nuvens


Onde não há tristezas, nem dor…


Traz lembranças boas


De uma tarde de primavera


Amigos e sorrisos


Fazem parte desse cenário


Oh! Que saudades me traz


Essa laranjeira em flor.


Tempos que não voltam mais


Somente na lembrança


Permanecerão pra sempre


No doce embalo desse coração


De menina sonhadora.


Maria J. Santos
mariabonitaepoesia.com.br

S O R R I

Sorri quando a dor te torturar
E a saudade atormentar
Os teus dias tristonhos vazios

Sorri quando tudo terminar
Quando nada mais restar
Do teu sonho encantador

Sorri quando o sol perder a luz
E sentires uma cruz
Nos teus ombros cansados doridos

Sorri vai mentindo a sua dor
E ao notar que tu sorris
Todo mundo irá supor
Que és feliz.

Chaplin
mariabonitaepoesia.com.br